Thursday, December 30, 2010

Um pequeno floco de neve





Foto: Isabelle Caro

Paris-Match homenageia Isabelle Caro. Víitima de anorexia desde os 12 ans depois de uma infância que Isabelle Caro qualificava de difícil, a jovem modelo tornou-se a partir de 2007 um ícon dos distúrbios alimentares desde que posou nua para a objectiva do célebre fotógrafo italiano Oliviero Toscani, inserida na campanha italiana da marca "No-l-ita" contra a anorexia.




No seu blogue pessoal, Isabelle Caro, vítima das loucuras do nosso tempo, apresenta-se como «un petit flocon de neige invisible, invisible en pleine canicule, qui se bat, se bat pour vivre enfin, malgré des années de souffrances, et crier au monde entier que l'anorexie est un enfer et qu'il faut s'en réchapper pendant qu'il en est encore temps!».



Isabelle Caro | No- Anorexia

Sobre a terrível foto que chocou o mundo, Isabelle Caro disse:

"J'ai accepté de participer à cette campagne pour alerter les jeunes filles en leur montrant les dangers des régimes, des diktats de la mode et des ravages de l'anorexie. Le but c'est de choquer pour sensibiliser."

Miosótis (pseudónimo)

fragmentos da noite com flores para Isabelle Caro, esquecida pelo mundo frenético em que só o 'instante' é válido!

30.12.10
Copyright ©2010-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Monday, December 20, 2010

Em tempos de soltas paisagens




serie Elogio de la Escrita
Juan Bautista Morán
O murmúrio das gotas de chuva saltitando nas vidraças fazem de volta estas noites invernosas, atravessando tempos de Natal. 

O outono adentrou-se abruptamente e o inverno surgiu! Este impõe-se com um autoritarismo desmesurado, deixando paisagens inóspitas nos olhos ainda cheios dos finais de tarde em que a luminosidade bailava em subjectivas formas de poesia. 

Quando se percorrem dias de sol acariciador, apesar de freso, num grito de vida, recuamos e dizemos Não! - aos brumosos dias de chuva, às frias noites que desconfortam nossa alma e nos perseguem e escorraçam das ruas tingidas pelas luzes dos faróis. 

Carros salpicam de gotas enlameadas os nossos pensamentos já pouco coloridos que se enchem de névoas esparsas. Ventos de um inverno sem limite despojam-se na cidade



serie Manuscrito del horizonte
Juan Bautista Morán

A súbita realidade! Nem o doce quebranto da interioridade nos afaga em fragmentos de emoção!  Inadequação em horas de fraternidade.

E a noite instala-se. Chuva solta nos vidros da janela. Apagam-se as luzes. Ponho estas reflexões no prato da imaginação e a sua voz apazigua as paredes da alma em um tempo discordante das paisagens intimistas.

O silêncio e a poesia por companheiros, numa música de fundo sem acordes.

"o tempo, subitamente solto pelas ruas e pelos dias,
como a onda de uma tempestade a arrastar o mundo,"

José Luís Peixoto, poesia


Miosótis (pseudónimo)

30.10.10
Copyright © 2010-fragmentosdanoitecomflores blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Licença Creative Commons


Sunday, December 05, 2010

Solidariedade em tempos adversos





Mel Gibson um actor e realizador aclamado, caíu há algum tempo, como todos sabemos, na boca do mundo perverso de Hollywood depois da divulgação de vários aspectos da sua vida íntima.

Não sou de modo nenhum a favor dos seus actos, se for verdade o que se diz... sim porque para dar cabo da reputação de uma pessoa não é preciso muito nos Estados Unidos e, muito mais em Hollywood. 


Braveheart (1995)

Assim, o actor de Braveheart, um dos seus primeiros filmes, belíssima história e excelente interpretação, um filme que comoveu gerações e  ninguém esquece, até ao último exibido,  o dramático Fora de Contrôlo filme que narra a história de um detective de homicídios que se vê defrontado com a dolorosa investigação da morte de sua filha, este actor e realizador, com uma vastíssima e aclamada carreira cinematográfica, tem sido abandonado por todos. Hollywood e os seus actores têm-lhe virado as costas de forma violenta, quase desumana.



Edge of Darkness (2010)

Não acredito que um homem que fez um percurso fantástico, grande parte de sua vida, degenere por completo assim tão repentinamente. Mas, teremos que deixar em aberto...

Só uma actriz e realizadora se mantém sempre a seu lado, inabalável, desde o início desta corrosiva campanha - Jodie Foster.

Assim, depois de todos os estúdios lhe fecharem a porta, da sua agência o abandonar, de actores como Leonardo di Caprio - triste jugo da fama - se recusar a contracenar com Mel Gibson, eis que Jodie Foster lhe dá o papel principal no seu filme The Beaver. Realizado e interpretado pela própria Jodie Foster.


The Beavor (2011)

Um filme que parece retratar, de certo modo, os sentimentos e estados de espírito do actor.

« C'est la personne la plus facile à vivre et la plus gentille avec laquelle j'ai jamais travaillé », declarou Jodie Foster numa entrevista em Setembro passado. « Quand vous aimez un ami, vous ne l'abandonnez pas dans les moments difficiles. C'est un ami loyal et vrai, et j'espère l'aider à traverser cette période très difficile pour lui. »

Não posso estar mais de acordo com a actriz! Um amigo não se abandona nos momentos difíceis! Eu prezo profundamente o valor da amizade. 

Do sucesso ou não deste filme poderá depender a futuro da carreira de Mel Gibson. O filme tem lançamento previsto para a próxima primavera, depois de muitas hesitações. Para já o primeiro trailer conhecido




Amizade é também o sentimento que me liga a Mateso, uma amizade virtual que se tem prolongado ao longo dos anos, desde que "Fragmentos da Noite" foi criado.

Daí que nada mais oportuno para lhe agradecer, mais uma vez, o seu generoso gesto de amizade. Desta vez, a atribuição do selo "Prémio Dardos":

«O Prémio Dardos é o reconhecimento dos ideais que cada bloguista emprega ao transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, outros... que, em suma, demonstrem a sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre as suas letras e as suas palavras. Estes selos foram criados com a intenção de promover a confraternização entre bloguistas, uma forma de demonstrar o carinho e reconhecimento por um trabalho que agregue valor à Web.»



Tal como é do conhecimentos de todos e da própria Mateso, este espaço não entra em redes de correntes, por questões pragmáticas dadas a conhecer desde o primeiro momento. Isso não obsta que, num gesto muito próprio, eu não  deixe de agradecer sensibilizada, tentando cumprir com os princípios básicos mínimos que norteiam estas nomeações.

Embora o selo me tenha sido atribuído pela vocação literária assumida de "Fragmentos da noite com Flores", todos conhecem também o meu outro lado engagé de causas e valores universais.

Assim, este post foi escrito em favor do valor maior que pode unir a Humanidade - a solidariedade!

Indico, como mero acto de continuidade, sem qualquer tipo de obrigatoriedade de dar seguimento, dois ou três espaços:

Relógio de Pêndulo

O Lugar dos Sentidos

Canto de Espumas

Estas nomeações têm apenas carácter simbólico.

A Mateso, mais uma vez o meu profundo reconhecimento!


Miosótis (pseudónimo)

fragmentos da noite com flores
5.12.10
Copyright © 2010fragmentosdanoitecomflores, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Licença Creative Commons

Créditos: vídeo RTP



Wednesday, November 03, 2010

Escritos soltos



Foto: Mathias Schrader | AP 2010

... eu adoro o final de tarde quando luminoso! É como que o recolher à nossa interioridade, o regresso ao nosso eu absoluto. E os aromas que se mesclam com mais intensidade, trazendo de volta tantas reminiscências... 

E a noite adentra-se e o estar de frente para nós fica translúcido! Como olhar a lua.


Serenidade!


(...)
Porque isto foi só um raio de luar e uma tristeza minha,
E uma suposição de outra coisa,
E o resultado de existir…

(...)


Álvaro de Campos, De la Musique
(17.09.1929)*




Miosótis (pseudónimo)


fragmentos da noite com flores
03.11.2010

Copyright ©2010-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Licença Creative Commons



Álvaro de Campos, De la Musique (17.09.1929)
in Poesia, Assírio & Alvim. ed. Teresa Rita Lopes, 2002
Casa Fernando Pessoa, Banco de Poesia (digital)



Thursday, October 28, 2010

Outubro Rosa





Mes Deux Seins
Journal d'une guérisson


Gostaria de não deixar passar Outubro sem dedicar um post, como sempre o fiz, a uma causa que sempre me moverá. Outubro Rosa, Mês Internacional da Saúde Mamária!

Em todo o mundo decorrem acções para apoiar tão nobre causa! Pessoas, marcas, cidades juntam-se fazendo deste mês o Outubro Rosa.

Em França, a realizadora de documentários Marie Mandy filmou a história da sua recuperação que foi transmitida dia 21 no canal France 2. Um documentário que é um grito mudo de alguém que não cruzou os braços no meio de tanto desespero.

"Nous, spectateurs, prenons l’annonce du diagnostic avec violence. Tressaillons quand l’aiguille s’enfonce dans sa chair. Et pourtant, aucun misérabilisme ni voyeurisme dans la démarche de se filmer. Ce documentaire est comme un formidable outil pour dire la peur autrement, le choc d’être soudain cataloguée dans la catégorie « malades », celui de ne pas subir mais de se battre."


Em Portugal pouco se fala, quase nada se informa. A nossa televisão atarefada com programas de futilidades, nem tempo tem para fazer uma emissão de divulgação sobre a doença que continua a matar  tantas mulheres. Não deixe, portanto, de visitar o sítio web da Liga Portuguesa Contra o Cancro aqui


Vida que às costas me levas
porque não dás um corpo às tuas trevas?

Porque não dás um som àquela voz
que quer rasgar o teu silêncio em nós?

Porque não dás à pálpebra que pede
aquele olhar que em ti se perde?

Porque não dás vestidos à nudez
que só tu vês?


Natália Correia, Mãos feridas na porta de um silêncio
Poesia Completa, Publicações Dom Quixote, 1999




créditos: Autor não identificado



"Ce film est comme un chemin initiatique pour Marie Mandy. Un encouragement géant à toutes les femmes qui souffrent d’un cancer, une leçon de vie aussi car Marie Mandy nous bluffe par autant d’élégance."



Miosótis (pseudónimo)


fragmentos da noite com flores para Marie Mandy

28.10.10
Copyright ©2010-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®


Wednesday, October 20, 2010

Tempo das palavras

Há um tempo para as palavras? Não sei! Este vídeo poema de José Luís Peixoto deixou-me introvertendo as palavras! É que em tantos momentos queremos falar e não abrimos as palavras com receio de importunar o outro. 


E na noite elas instalam-se baixinho, num doce toque dos lábios que se entreabrem só para... respirar.

Uma meditação sobre as palavras que se não ouvem 






sob o poema "Não há motivo para te importunar a meio da noite" de José Luís Peixoto.


Miosótis (pseudónimo)

fragmentos da noite com flores

20.10.10
Copyright ©2010-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®



Tuesday, October 05, 2010

Um livro, um filme: Comer Orar Amar




Eat Pray Love, 2010



Julia Roberts/ Eat Pray Love

Já está nas salas comerciais, mas não fui ver, ainda. Espero não perder! Não é à toa que gosto de Julia Roberts. Independentemente de ser uma mulher bonita, ela sabe ter carisma, e é detentora de uma carreira cinematográfica remarcável. Entre várias interpretações, destaco o filme, também de carácter autobiográfico, Erin Brockovich. Deu-lhe o 'Oscar de Melhor Interpretação Feminina'. Um filme fabuloso. Recomendo.



François Duhamel/AP
http://d.yimg.com

Acompanha-a Javier Bardem, um actor que prima sempre pela qualidade das suas interpretações. Inolvidável o primeiro filme que vi com o actor Mar Adentro de Alejandro Amenábar.



Julia Roberts & Javier Bardem | Eat Pray Love

Comer Orar Amar, realizado por Ryan Murphy, é baseado num livro que li em tempos soltos, na época de praia. Gosto de leituras mais despretensiosas em tempo de lazer, sobretudo no verão. E comecei a lê-lo por abordar o tema yoga e saber que Julia Roberts interpretava a personagem Liz Gilbert. Já referi várias vezes que gosto de filmes que partam das possíveis leituras de um romance.


Elizabeth Gilbert

Fui em busca nas livrarias desta obra de Elizabeth Gilbert, escritora que me era completamente desconhecida. E fiquei atónita com o número de edições. Além do mais, na capa podia ler-se 'Recomendado pelo Oprah Book Club'! Hesitei! Afinal, não sou nada fã de 'clubites' e muito menos de clubites de livros! 

Repensei! Peguei no livro, sentei-me, numa das mesinhas do agradável espaço livreiro, pedi um café que acompanhei saboreando um pequeno chocolate. Hum! Duas coisas que sabem mesmo bem! E fui lendo alguns excertos, lentamente, ao mesmo tempo que saboreava o café.





Bom! Acabei por comprar e li, claro, cruzando com outras leituras como é meu hábito.

Um romance autobiográfico! Aprecio este género! Uma mulher que atravessa momentos difíceis até conseguir reencontrar-se. Para isso, acha por bem afastar-se da sua vida quotidiana, e percorrer vários países, experienciar diferentes caminhos até se reencontrar... e reencontrar o amor. Ideal, mas nem sempre possível!


A parte da espiritualidade foi a que mais me atraiu no livro embora, por vezes, tratada com alguma leveza, sobretudo no filme. 

Para sentir um pouco o lado autêntico desta experiência autobiográfica, Julia Roberts levou  sério esta sua incursão espiritual no filme, e foi mais longe. Encontrou-se com o guru do ashram onde a segunda parte do filme decorre.





Julia Roberts e Swami Dharmdev | AP file

Better Days que ouviram durante o vídeo é um dos temas que mais aprecio. Interpretado por Eddie Vedder, o vocalista dos Pearl Jam que contribuiu para a banda sonora.

Já ouvi belíssimas referências! Banda sonora, paisagens e claro, interpretação dos dois actores.

Talvez consiga vê-lo hoje, já que é feriado!

Miosótis (pseudónimo)


fragmentos da noite com flores
05.10.10
Copyright ©2010-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®

Licença Creative Commons

Sunday, August 22, 2010

Jardins... com corpo e alma



http://www.elle.fr/


Não vai há muito tempo que falei de uma iniciativa em França que levava à fruição de jardins e espaços verdes de um modo inovador! 

Pois desta vez descobri que na localidade de Chaumont-sur-Loire está a decorrer o "19e Festival International des Jardins", até 19 Outubro, sob a temática "Jardins corps et âme

Corpo, alma, razão já os cantei,
estreme  e  sem me isentar em pseudónimos.
Antífrases de mim as assinei.
Contrários indaguei: eram sinónimos, (...)

Natália Correia, O Espírito é tão real como uma Árvore
in Inéditos (1976-1979)
Banco de Poesia, Casa Fernando Pessoa

Deixo a descrição na língua original, para que nada se perca do encantamento:
"À Chaumomt-sur-Loire on est loin des parterres de tulipes et de bégonias ! Un piano est planté au milieu d’un champ de pavots, hommage à Billie Holiday, dont la voix surgit comme par magie de l’instrument. Un ange passe… On sautille sur les souches d’arbres bleues et rouges imaginées par le chorégraphe Benjamin Millepied, on fait un voeu en accrochant à un bambou un ruban de couleur, et, le dimanche, on termine avec un four o’clock tea, abrités derrière un mur de tasses en porcelaine. Une vraie promenade arty green. "


Digam lá! Quanta poesia!! Um piano no meio de um campo de papoilas dormideiras, e ouvindo a voz de Billie Holiday... como por magia?!

Acrescento alguns títulos temáticos que exaltam o corpo e a alma, como " Un divan  au Japon", "L'Arbre à prières", "Cupidon s'en fout", "Bon thé, bon genre"... inspiradores!




Só pelo vídeo, uma vontade imensa de partilhar de tais instantes! E servirem-me uma tisana no meio desta paisagem!

Acresce dizer que durante todo o verão o Domaine de Chaumont convidou vários artistas para este "Festival International des Jardins".

Anne et Patrick Poirier, dois dos artistas convidados, espalharam por aqui e por ali as suas obras como se fossem fragmentos poéticos de uma história que o visitante-espectador pode inventar...






Eu adoraria passear-me nestes espaços cheios de fragrâncias frescas, ornamentados poeticamente como que por encanto com a magia da música e outras artes! O aquietamento perfeito para a alma e para o corpo. 

Fui criança, indo por um carreiro,
a caminho do mar, mão na outra mão,
entre árvores, pedras, insectos e aves.
moda a Natureza me coube nas pupilas,
mestra de sentimentos , e eu discípula. [...]

Fiama Hasse Pais Brandão, Fui criança indo por um carreiro
in Elegíacos, 
Banco de Poesia, Casa Fernando Pessoa


Miosótis (pseudónimo)
Fragmentos da tarde com flores em espaços soltos

22.08.10
Copyright ©2010-fragmentosdanoitecomflores Blog, fragmentosdanoitecomflores.blogspot.com®


Licença Creative Commons

Crédits: video MyTF1